A pesquisa realizada sobre o engenheiro-arquiteto Eduardo Fernando Chaves, nas décadas de 1900 a 1940, revelou uma extensa produção com 220 obras. Com 122 delas foi elaborado o Livro As Virtudes do Bem Morar, evidenciando que a introdução destas virtudes nas obras projetadas é concomitante ao processo de urbanização de Curitiba, isto é, o bem-viver na cidade. O estudo cobre o período de 1900 a 1930 e, em quatro capítulos, analisa e apresenta projetos arquitetônicos, volumosa legislação da infraestrutura urbana, mapas, fotografias, desenhos e tabelas explicativas.
O restante da produção arquitetônica de Eduardo Fernando Chaves que ocorre nos anos de 1930 a 1940, resultou na Exposição Arquitetando Curitiba na década de 1930, realizada no Memorial de Curitiba entre dezembro de 2012 e agosto de 2013. O roteiro explora e enfatiza a diversidade do repertório arquitetônico e das técnicas construtivas característica da época. Também mostra que as obras de Eduardo Fernando Chaves acompanham o crescimento geográfico de Curitiba estando, novamente, estreitamente vinculadas à evolução, implantação e consolidação das redes urbanas de serviços públicos.
Neste Blog poderá ser acessada parte do material existente nos dois trabalhos desenvolvidos.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s